publicidade

Pisos e revestimentos horizontais >> Revestimentos aderidos

Placas vinílicas


Características técnicas para atender a norma:

Norma ABNT NBR 7374:2006 - Placa vinílica semiflexível para revestimento de pisos e paredes - Requisitos e métodos de ensaio

Ensaio tipo

Método de ensaio

Unidade

Limites e/ou tolerâncias

Estabilidade dimensional

Estabilidade dimensional

%

x ≤ 0,30

Empenamento

Ocorrência de empeno dos vértices

mm

Sem requisito

Resistência à deflexão

Resistência à deflexão

-

Não trincar

Estabilidade dimensional à imersão em água

Estabilidade dimensional à imersão em água

%

x ≤ 0,15 (espessura = 1,6 mm)
x ≤ 0,10 (espessura ≥ 2,0 mm)

Estabilidade de cor

Estabilidade de cor sob a ação da luz do dia

-

Grau de contraste 4

Resistência a agentes químicos

Ação de agentes químicos

-

Sem alteração de cor ou brilho para:

Agente químico

Concentração (% em massa)

Hidróxido de sódio (NaOH)

2

Hidróxido de amônio (NH4OH)

10

Solução de hipoclorito de sódio preparada em laboratório

5 (de cloro ativo)*

Carbonato de cálcio (Na2CO3)

10

Óleo vegetal

-

Resistência à massa estática

Resistência ao carregamento da massa estática

mm

0,1

Volatilidade

Perda de material por volatilidade

%

x ≤ 0,75

Resistência à abrasão Taber

Resistência à abrasão Taber

%

Sem requisito

Solicitar a qualificação ou certificação do produto

Obs.: A empresa deverá informar se o seu produto é qualificado ou certificado, o programa, a entidade coordenadora geral, a entidade gestora técnica ou o OCP (Organismo de Certificação do Produto).

Solicitar informações sobre a classificação ambiental

  • Classificação do resíduo: conforme resolução CONAMA (Conselho Nacional do Meio Ambiente) 307, de 05 de julho de 2002, e 431, de 24 de maio de 2011, os resíduos de placas vinílicas podem ser considerados de classe B.
  • O FABRICANTE DEVE INFORMAR A CLASSE DO SEU PRODUTO.
  • Destinação do resíduo: os itens de classe B são recicláveis (ou reutilizáveis).
  • O FABRICANTE DEVE INFORMAR A DESTINAÇÃO, CONFORME RESOLUÇÃO DO CONAMA

Obs.: Caso a empresa tenha DECLARAÇÃO AMBIENTAL DO PRODUTO, solicitar as informações.

DESEMPENHO

  • Desempenho estrutural e segurança no uso e operação (NBR 15575-3)
    A empresa deve informar características de desempenho do revestimento de piso, como: impacto de corpo duro e coeficiente de atrito dinâmico.
  • Estanqueidade à água
    A empresa deve informar as condições de estanqueidade à água e de resistência à umidade para pisos de áreas molhadas e molháveis.
  • Segurança ao fogo (NBR 15575-3)
    A empresa deve informar quais são as características de reação ao fogo, considerando a classificação em termos de propagação de chamas e densidade de fumaça, conforme a NBR 8660, ISO 11925-2 e ASTM E 662.
  • Desempenho acústico
    A empresa pode informar valores de isolação a ruídos aéreos e  ruídos de impactos no piso, considerando o sistema de piso e não somente a camada de acabamento.
  • Funcionalidade e acessibilidade
    A empresa deverá apresentar informações a respeito de características especiais no caso de adaptação a pessoas portadoras de deficiências físicas ou pessoas com mobilidade reduzida.
  • Conforto tátil, visual e antropodinâmico
    A empresa deverá apresentar informações a respeito da planicidade da camada de acabamento
  • Durabilidade
    A empresa deverá apresentar informações a respeito: da resistência a agentes químicos; da resistência ao desgaste da vida útil de projeto do produto.

Manutenção

O fabricante deverá especificar os serviços de manutenção para atingir a vida útil de projeto e as condições e equipamentos necessários à realização dos serviços de manutenção.

 

publicidade

publicidade

Destaques da Loja Pini

A consulta dos profissionais ao site CONSTRUNORMAS não substitui, em hipótese alguma, o exame detalhado das normas técnicas vigentes junto à ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). Pelo contrário, as interpretações e apontamentos reunidos no site visam facilitar e estimular o consumo frequente das informações integralmente contidas nos textos das normas, comercializadas nos canais autorizados pela ABNT (http://www.abnt.org.br/)