publicidade

Notícias >>

Publicação gratuita reúne normas técnicas que impactam a vida útil das edificações

Guia elaborado pelo Sinduscon-MG e pela CBIC lista NBRs necessárias desde o projeto até a manutenção das construções

Da redação da PINIweb
31/Maio/2017
Reprodução

O Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado de Minas Gerais (Sinduscon-MG) e a Comissão de Materiais, Tecnologia, Qualidade e Produtividade (Comat) da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) acabaram de lançar a 6ª edição do Catálogo de Normas Técnicas. A publicação, gratuita, reúne todas as normativas que impactam a vida útil das edificações.

Ao todo, são 1.047 normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) listadas em sete grupos: viabilidade, contratação e gestão; desempenho, projetos e especificação de materiais e sistemas construtivos; execução de serviços; controle tecnológico; manutenção; qualificação de pessoas; e resíduos da construção civil.

A principal novidade é que o guia passou a listar normas técnicas sobre gestão ambiental e gerenciamento de resíduos, além de conter links diretos para as páginas das NBRs no site da ABNT. "Trata-se de um guia prático, para facilitar o uso das normas técnicas visando assegurar a conformidade de todo o setor, reduzindo fragilidades técnicas nas futuras edificações e garantindo qualidade e segurança aos empreendimentos", diz a CBIC na apresentação da publicação.

Segundo o líder do Grupo de Trabalho de Acompanhamento de Normas Técnicas da Comat, Roberto Matozinhos, do total das normas 351 estão em vigor há mais de dez anos e podem ser revisadas. Daí a importância de, mesmo com a publicação, checar a versão mais atualizada da NBR.

Para acessar o 6º Catálogo de Normas Técnicas, clique aqui.

publicidade

publicidade

Destaques da Loja Pini

A consulta dos profissionais ao site CONSTRUNORMAS não substitui, em hipótese alguma, o exame detalhado das normas técnicas vigentes junto à ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). Pelo contrário, as interpretações e apontamentos reunidos no site visam facilitar e estimular o consumo frequente das informações integralmente contidas nos textos das normas, comercializadas nos canais autorizados pela ABNT (http://www.abnt.org.br/)