publicidade

Notícias >>

Norma técnica sobre wood frame deve entrar em consulta pública ainda neste semestre

Texto vai estabelecer os requisitos gerais, componentes e diretrizes para projeto e execução do sistema construtivo com painéis de madeira

Gabrielle Vaz, do Portal PINIweb
2/Maio/2017
Marcelo Scandaroli

A Comissão de Estudo de Sistemas Construtivos de Wood Frame (CE 002.126.011), do Comitê Brasileiro da Construção Civil (CB-002) da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), espera disponibilizar ainda neste semestre para consulta nacional a norma responsável por estabelecer diretrizes para projeto e execução, além de requisitos gerais e componentes, do sistema construtivo wood frame, utilizado no Brasil há menos de 10 anos.

"Estamos otimistas e esperamos concluir o texto até o final de junho, para enviá-lo à consulta pública", comenta Euclesio Finatti, coordenador da comissão e vice-presidente da área técnica do Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado do Paraná (Sinduscon-PR).

O sistema é composto por painéis de madeira de reflorestamento e, por ser industrializado, gera economia no descarte de resíduos e diminui o tempo de duração da obra. De acordo com o CE 002.126.011, é possível entregar uma casa de 50 metros quadrados em apenas quatro horas.

Outra grande vantagem do wood frame é o conforto térmico, já que consegue manter a temperatura entre 18 a 22 graus, se tornando uma grande alternativa de construção em todo o país. "O wood frame possibilita uma obra com funcionalidade e melhor desempenho ambiental, fatores que atendem aos apelos por sustentabilidade e às características do Brasil", afirma Finatti.

A comissão de estudos foi instalada em 2016 e vem trabalhando há 10 meses no texto.

publicidade

publicidade

Destaques da Loja Pini

A consulta dos profissionais ao site CONSTRUNORMAS não substitui, em hipótese alguma, o exame detalhado das normas técnicas vigentes junto à ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). Pelo contrário, as interpretações e apontamentos reunidos no site visam facilitar e estimular o consumo frequente das informações integralmente contidas nos textos das normas, comercializadas nos canais autorizados pela ABNT (http://www.abnt.org.br/)