publicidade

Instalações elétricas de baixa tensão >> Redes de distribuição e componentes

Canaletas e condutos perfilados para instalações elétricas

Solicitar a qualificação ou certificação do produto

Obs.: A empresa deverá informar se o seu produto é qualificado ou certificado, o programa, a entidade coordenadora geral, a entidade gestora técnica ou o OCP (Organismo de Certificação do Produto).

Solicitar informações sobre a classificação ambiental

  • Classificação do resíduo: conforme resolução CONAMA (Conselho Nacional do Meio Ambiente) 307, de 05 de julho de 2002, e 431, de 24 de maio de 2011, os resíduos de canaletas e condutos perfilados podem ser considerados de classe B (metais).
  • O FABRICANTE DEVE INFORMAR A CLASSE DO SEU PRODUTO.
  • Destinação do resíduo: os resíduos de classe B são recicláveis.
  • O FABRICANTE DEVE INFORMAR A DESTINAÇÃO, CONFORME RESOLUÇÃO DO CONAMA

Obs.: Caso a empresa tenha DECLARAÇÃO AMBIENTAL DO PRODUTO, solicitar as informações.

DESEMPENHO

  • Cargas suspensas
    De acordo com a ABNT NBR IEC 61084-2-1:2006, os fabricantes devem fornecer instruções de instalação dos sistemas de canaletas e condutos a serem montados em paredes e tetos. Se o sistema for projetado para suspensão de cargas, o fabricante deve informar o método de suspensão e a carga máxima. De acordo com a ABNT NBR 15575, recomenda-se informar também a carga de uso, considerando um coeficiente de segurança em relação à carga limite máxima.
  • Durabilidade
    A empresa deverá apresentar informações a respeito da vida útil de projeto do produto.

Manutenção

O fabricante deverá especificar os serviços de manutenção para atingir a vida útil de projeto e as condições e equipamentos necessários à realização dos serviços de manutenção.

 

PÁGINAS :: << Anterior | 1 | 2 | 3

publicidade

publicidade

Destaques da Loja Pini

A consulta dos profissionais ao site CONSTRUNORMAS não substitui, em hipótese alguma, o exame detalhado das normas técnicas vigentes junto à ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). Pelo contrário, as interpretações e apontamentos reunidos no site visam facilitar e estimular o consumo frequente das informações integralmente contidas nos textos das normas, comercializadas nos canais autorizados pela ABNT (http://www.abnt.org.br/)