publicidade

Movimentação Vertical >>

Elevadores de canteiros de obras para pessoas e materiais

Características técnicas para atender a norma:


Norma ABNT NBR 16200:2013 - Elevadores de canteiros de obras para pessoas e materiais com cabina guiada verticalmente - Requisitos de segurança para construção e instalação

Item

Observação

Manual de instruções

Informações gerais

Nome e endereço dos fornecedores ou fabricantes

País do fabricante

Designação do modelo

Campo ou números de série para os quais o manual de instruções é valido

Uma repetição da marcação de segurança e avisos de advertência na máquina com respectivos significados

Informações  e limites de projeto

Carga de trabalho

Velocidade nominal

Altura máxima desamarrada admissível em serviço e posição fora de serviço

Altura do levantamento máxima, torre desamarrada

Altura do levantamento máxima, torre amarrada

Distâncias das amarrações

Balanço superior da torre

Velocidade máxima admissível do vento durante montagem e desmontagem

Velocidade máxima admissível do vento em serviço

Velocidade máxima admissível do vento com o elevador em posição fora de serviço; região de vento de projeto.

Restrições ambientais, como faixa de temperatura

Declaração relativa a emissões de ruídos :
- nível de pressão sonora de emissão pesada A na botoeira dentro da cabina
- valor máximo do nível de pressão sonora de emissão pesada A a 1 m de distância do fechamento da base e a uma altura de 1,60 m acima do piso

Indicação da posição onde o nível máximo de pressão sonora foi medido

Dimensões e pesos

Altura do térreo até o piso da cabina nivelada na base

Tamanho interno da cabina (comprimento x largura x altura)

Seção da torre (dimensões)

Seção da torre (peso)

Unidade básica, por exemplo, estrutura da base, seção (ões) mais baixa(s) da torre, unidadde da cabina e de acionamento (dimensões e peso)

Área mínima requerida para a instalação

Dados de alimentação elétrica

Acionamento elétrico

Potência - unidade de acionamento (kW)

Tensão/frequência da alimentação (V/Hz)

Tensão/frequência de controle (V/Hz)

Corrente de partida máxima (A)

Consumo máximo de potência (kW)

Energia mínima fornecida (kVA)

Tipo da alimentação de energia principal e fusíveis (A)

Tomadas para ferramentas portáteis - tensão e corrente (V, A)

Acionamento hidráulico

Pressões hidráulicas (MPa)

Potência do motor (kW)

Equipamentos de segurança

Tipo de equipamento de segurança

Equipamento de segurança adicional para montagem, desmontagem e manutenção

Sistemas de abaixamento de emergência

Informações técnicas adicionais

Juntas parafusadas da torre

Capacidade de apoio do solo em função da configuração do elevador

Arranjo e posicionamento da amarração e de forças impostas à estrutura de suporte para uma zona de vento

Forças de ações de carregamento e descarregamento nos pavimentos

Necessidade de proteção em relação a áreas perigosas em volta do elevador

Informação com relação a pontos de levantamento

Dados do cabo de aço

Consideração de efeitos de qualquer item que possam aumentar a área de vento

Consideração de quaisquer efeitos que possam aumentar a velocidade do vento

Procedimento de transporte ao local e a partir dele

Quanto aos acessórios de levantamento, informações sobre uso pretendido, limites de utilização, instruções de montagem, utilização e manutenção, coeficiente usado no ensaio estático

Instruções de montagem e desmontagem

O manual deve indicar de forma clara as diversas configurações previstas pelo fabricante para instalação do elevador. Caso seja necessária alguma configuração não prevista, a mesma deve ser acordada entre o fabricante, o proprietário e o usuário, a informação deve ser acionada como aditamento ao manual de instruções

Folgas

Folgas em volta do elevador

Se a distância de segurança entre qualquer ponto de acesso e qualquer parte móvel adjacente do elevador for menor que 0,85m, (0,5 m se a velocidade nominal for no máximo 0,7 m/s), a proteção da caixa de corrida deve atender à ABNT NBR NM ISO 13852:2003 e ter uma altura mínima de 2,0 m ou se estender à plena altura do piso até o teto, se esta for menor que 2,0 m

Se a distância de segurança for maior que 0,85m, (0,5 m se a velocidade nominal for no máximo 0,7 m/s), deve ser provida uma proteção fixa (corrimão, barra intermediária e rodapé) com altura mínima de 1,1 m

Folgas acima da cabina

2 m para qualquer elevador com contrapeso mais pesado que a cabina vazia

0,5 m para elevadores suspensos por cabos de aço ou qualquer elevador com contrapeso não pesando mais que a cabina vazia

0,15 m para elevadores com pinhão e cremalheira ou elevador hidráulico indireto

0,1 m para elevadores hidráulicos diretos

Velocidades nominais acima de 0,85 m/s, o sobrepercurso deve ser aumentado em 0,1 v² metros (velocidade nominal em m/s)

Quando a cabina tiver viajado através do sobrepercurso superior, a distância livre acima do elevador deve ser pelo menos 1,8 m (0,3 m se o teto da cabina não for projetado para ser acessível). Quaisquer componentes ou equipamentos associados à cabina que se projetem acima da cabina devem ter distância livre acima deles de no mínimo 0,3 m

Folgas acima do contrapeso

0,3 m

Fundação

A estrutura da base e a estrutura da torre devem ser apoiadas em uma fundação capaz de suportar todas as forças e todos os momentos. Se existirem espaços acessíveis sob a base do elevador, qualquer contrapeso deve ser montado com freio de segurança. O fabricante do elevador deve informar qual a capacidade mínima resistente do solo.

Montagem e desmontagem

Recomendações sobre o uso do dispositivo de corrente residual

Informações sobre o transporte para o local

Instruções sobre montagem das seções e das amarrações da torre, incluindo informação sobre o uso de parafusos (diâmetro, qualidade, torque de aperto)

Recomendações para o levantamento de peças pesadas

Informações sobre a instalação de fechamento da base e portas de pavimento e requisitos de segurança para o fechamento da base e portas de pavimentos, que devem ser providas na proteção da caixa de corrida em cada ponto de acesso

Informações sobre a iluminação dos pavimentos

Informações sobre o ensaio do elevador completo considerando:
- Identificação do elevador
- Ensaio funcional de:
 sistema de tração e freios
 limitadores de percurso
 portas da cabina e portas de pavimento
 dispositivo de detecção de sobrecarga
 folgas
- Procedimentos de desmontagem

O elevador deve ser ensaiado por todo o seu percurso de viagem com a carga nominal na cabina conforme especificação do fabricante

O freio de segurança contra queda da cabina deve ser ensaido conforme a especificação do fabricante

Instruções para operação e uso

Utilização prevista

Operação das portas de pavimento e portas da cabina

Carregamento da cabina e possíveis restrições relativas à posição, concentração e fixação da carga

Utilização de rodas adequadas para possíveis folgas

Ausência de cargas no teto da cabina

Controle do elevador, dentro da cabina, no fechamento da base e dos pavimentos

Condições ambientais, por exemplo, velocidade máxima do vento durante o uso

Procedimentos quanto a quebras (tratamento de emergências)

Controles especiais

Dispositivos de segurança, como interruptores limitadores de percurso, freios de segurança de sobrevelocidade

Reação a falhas

Diagrama de circuito

Informações sobre acessos

Marcações

Placas de características

Nome e endereço do fabricante ou seu representante autorizado

Designação de tipo

Número de série

Ano de construção

Carga de trabalho (em kg)

Altura de levantamento

Dados do cabo de aço, se aplicável

Peso da unidade de base

Velocidade nominal

Etiqueta de identificação da seção da torre ou guia

Cada seção individual da torre ou guia deve ser marcada com uma identificação ou número de série

Etiqueta de informação básica do usuário

Altura da torre

Balanço superior da torre

Juntas parafusadas da torre (diâmetro do parafuso, qualidade do parafuso, torque de aperto)

Alimentação elétrica (dispositivo de corrente residual)

Operação na condição desamarrada

Folgas de segurança

Esquema das amarrações da torre, com as distâncias entre as amarrações

Cabina em posição fora de serviço

Observação das instruções de operação

Informação sobre instalações onde o contrapeso fica acima de um espaço acessível

Etiqueta na cabina

Altura mínima de caracteres: 25 mm

Carga de trabalho e número máximo de pessoas

Restrições com relação à posição e concentração da carga

Etiqueta no nível térreo

Indicar que o acesso é somente para pessoal autorizado

Etiqueta no dispositivo de sobrevelocidade

Nome e endereço do fabricante

Número do certificado de inspeção de tipo

Velocidade de desarme

Ano de construção e número de série

Etiqueta do motor de acionamento

Nome e endereço do fabricante

Designação de tipo

Ano de construção e número de série

Marcação dos elementos de controle

Recomenda-se a utilização de pictogramas


PÁGINAS :: 1 | 2 | Próxima >>

publicidade

publicidade

Destaques da Loja Pini

A consulta dos profissionais ao site CONSTRUNORMAS não substitui, em hipótese alguma, o exame detalhado das normas técnicas vigentes junto à ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). Pelo contrário, as interpretações e apontamentos reunidos no site visam facilitar e estimular o consumo frequente das informações integralmente contidas nos textos das normas, comercializadas nos canais autorizados pela ABNT (http://www.abnt.org.br/)